Pump and dump: entenda o que são no mercado de investimentos e evite Investimento

Pump and dump: entenda o que são no mercado de investimentos e evite

Guto Schiavon

Quem resolve entrar no mercado financeiro deve estar bem atento a todos os detalhes que o permeiam. As melhores estratégias, o pagamento de impostos, como diversificar a carteira são só alguns exemplos de informações que o bom investidor deve ter na ponta da língua.
Mas entre os detalhes mais importantes que muitos deixam de estudar antes de se aventurar pelo mercado financeiro estão os tipos de golpes aos quais qualquer investidor está sujeito.
Um dos mais famosos deles é o chamado “pump and dump”. Acompanhe este artigo e descubra como esse golpe funciona para que seus investimentos não sejam uma das suas vítimas!

O que é o pump and dump?

Nós já sabemos que o mercado de ações gira em torno da especulação. Isso significa que o preço das ações de qualquer empresa é diretamente influenciado por notícias ligadas ao desempenho delas e pelo número de movimentações de compra e venda dos papéis.
Por exemplo, em setembro do ano passado, após um rumor ser lançado na mídia sobre uma suposta aquisição do Twitter por uma grande companhia, as ações da rede social subiram 18%. Esse é exatamente o movimento de “pump”.
Pump significa “bombear” e dump é “largar”. Esse golpe acontece quando um indivíduo, ou um grupo organizado, “bombeia” o preço de determinada ação lançando rumores falsos no mercado com o objetivo de fazer o valor do papel subir para depois vender, ou “largar”, com um lucro considerável.
Normalmente, esse golpe é aplicado com papéis de empresas pequenas com baixa liquidez. Como as ações delas são negociadas a preços bem baixos, na casa dos centavos, não é difícil conseguir fazê-los subir 10%, 15% em um mesmo dia, o que torna o golpe mais fácil de ser aplicado.

Onde esse golpe pode acontecer?

Como mostramos, o pump and dump é um golpe surgido no mercado de ações, porém não é mais exclusividade dele. Já há registros de casos acontecendo com o bitcoin, moeda digital cujo valor de mercado varia de acordo com a oferta e demanda, visto que a quantidade de bitcoins disponíveis no mundo é limitada.
No caso do bitcoin, o golpe acontece quando rumores, principalmente aqueles surgidos em fóruns sobre a moeda, são lançados maliciosamente alegando que o preço do bitcoin subirá. O objetivo é criar uma valorização artificial.
A partir disso, há um grande movimento de compra da moeda, o que gera uma valorização da mesma, enquanto que o precursor do golpe, que já possuía uma quantia considerável de bitcoins, faz a venda das suas moedas na alta do preço, garantindo para si um grande lucro e fazendo o valor do bitcoin despencar.

Como não cair nessa armadilha?

O pump and dump usa do artifício do “panic selling”, ou venda em pânico. Para entender, basta pensar que nossas decisões de compra e de investimento são influenciadas pelo nosso emocional.
Um investidor maduro sabe separar suas emoções para tomar decisões racionais e não cair em armadilhas como essa, porém, quem ainda é novo no mercado tende a se deixar levar facilmente por rumores ou variações drásticas nos preços dos ativos.
Por isso, para não cair em nenhuma armadilha, é preciso primeiro trabalhar sua inteligência emocional para não deixar seu humor ou suas emoções afetarem seus investimentos.
Em segundo lugar, principalmente quando tratamos de bitcoins, não é recomendável acompanhar notícias ou participar de fóruns que não sejam referência no mercado, já que é por meio deles que os rumores se espalham.
Com um pouco de dedicação e cuidado, comprar bitcoins pode ser um investimento rentável com o mínimo de riscos possíveis, bastando se manter informado nos lugares certos!
E você, conhece alguém que já caiu no golpe do pump and dump? Tem algum site de notícias confiável para compartilhar com a gente? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe sua experiência!