Sempre que se fala dessa moeda digital, o destaque fica por conta do anonimato do bitcoin. Para os usuários que procuram um sistema robusto e capaz de proteger sua identidade, parece ser o melhor caminho. Porém, a verdade é um pouco diferente disso.

Por padrão, ainda há algum envio de informações rastreáveis em cada transação usando bitcoins. Afinal, um dos elementos que garantem o bom funcionamento da moeda digital é a sua transparência, o fato de ter seus registros abertos para que possíveis problemas sejam rastreados e resolvidos logo.

Então, bitcoin é anônimo ou não? A resposta é: mais ou menos. Uma forma melhor de descrever a moeda digital é “pseudoanônimo”. Para saber mais, confira o restante do post!

O anonimato do bitcoin é real?

Quem observa o bitcoin de fora costuma ter a impressão de que se trata de uma moeda completamente anônima. Isso oferece diversos atrativos para quem quer atuar com mais segurança e privacidade em uma web cada vez mais capaz de monitorar seus usuários. No entanto, não é bem assim.

Todas as transações efetuadas com bitcoin ficam disponíveis de forma transparente em um registro público chamado de Blockchain. Apesar de nenhum usuário ser identificado, não é o suficiente para garantir o completo anonimato do bitcoin.

Portanto, ao utilizar a moeda digital, você conta com mais anonimato e segurança do que ao trabalhar com transações convencionais. No entanto, isso não pode ser classificado como anônimo, já que, ainda dessa forma, há a transmissão de dados.

O que fazer para contar com mais privacidade?

Já deu para perceber que o anonimato do bitcoin não é tão garantido quanto se imagina, mesmo que ainda seja superior às transações tradicionais. Apesar disso, existem meios para garantir um pouco mais de segurança e privacidade ao atuar com a moeda digital.

Uma possibilidade é você rodar o seu próprio software de bitcoin (bitcoin-core) para fazer as transações, sem depender de sites intermediários. Além disso, é recomendado que você não reutilize seus endereços bitcoin para receber e realizar transações.

Outra possibilidade é você utilizar mixers de bitcoin, que são sites que embaralharam as suas transações para aumentar a sua privacidade.

Você se sente seguro usando bitcoin?

Um dos principais diferenciais da moeda digital é a privacidade e a segurança que ela oferece, uma vantagem sobre os meios tradicionais de realizar transações. Cada vez mais usuários buscam soluções que prezem pela preservação dos seus dados e a liberdade de atuar sem rastreio.

Como você viu, ainda existem algumas formas de encontrar rastros de identidade em uma transação com bitcoins, por mais difícil que seja. Aproveite as dicas destacadas aqui para preservar melhor seus dados. Paralelamente, acompanhe as notícias relacionadas a essa moeda para ficar por dentro das últimas novidades.

Compartilhe este conteúdo com os seus amigos nas redes sociais para que eles também tenham contato com as melhores maneiras de manter o anonimato do bitcoin!

Posts Relacionados