CBDC: O que é, como funciona e o que significa para o real digital?

mar 29, 2022 | Outras categorias

Central Bank Digital Currency (CBDC) é uma versão digital do dinheiro fiduciário apoiado pelo governo. Trata-se de um tipo de moeda digital emitida pelo banco central e vinculada à moeda nacional do país.

As CBDCs são mais semelhantes às stablecoins, que são criptomoedas atreladas ao dinheiro fiduciário e tentam manter o mesmo valor. A principal diferença para as citadas stablecoins é que os governos do mundo emitem CBDCs.

Mais de 80 países ao redor do mundo estão desenvolvendo suas CBDCs, cada qual em estágios diferentes do processo. Alguns têm projetos inativos ou cancelados, enquanto outros já lançaram sua Central Bank Digital Currency. 

Mesmo se tratando de uma moeda digital governamental, se você investe em criptomoedas, já deve estar ciente que as CBDCs também impactam o mercado criptográfico.

Como funciona a Central Bank Digital Currency (CBDC)?

Cada CBDC é uma representação digital do dinheiro fiduciário existente de um país e funciona da mesma maneira. Como muitos países estão trabalhando em suas próprias CBDCs, provavelmente haverá diferenças em como eles funcionam, mas seguem o mesmo modelo básico.

O banco central do país emite sua CBDC, que tem o apoio do governo federal. Essa Central Bank Digital Currency (CBDC) pode ser usada como moeda legal para transações como pagamento de funcionários ou compra de bens e serviços.

Isso pode soar familiar para o que já temos. Afinal, você pode transferir dinheiro da sua conta bancária para a conta de um amigo em outro banco através do PIX, e tudo acontecerá digitalmente. No entanto, com uma CBDC, esse tipo de transação não precisaria passar por vários bancos e, em caso de transferências mais tradicionais, levar até 24h. 

Os consumidores também não precisariam de uma conta bancária comercial para usar uma CBDC. Para aqueles que fogem de vínculos bancários, os CBDCs forneceriam uma maneira de transferir dinheiro digitalmente.

Tipos de Central Bank Digital Currency (CBDCs)

Existem dois tipos de CBDCs: varejo e atacado, bem como híbridos que combinam elementos dos dois. Aqui está o que as torna diferentes e como funcionam.

CBDCs para o varejo

As CBDCs de varejo são emitidas para o público em geral. Nesse modelo, os consumidores podem possuir uma CBDC em uma carteira ou conta e utilizá-la para efetuar pagamentos.

Esse tipo de CBDC serviria como uma opção bancária digital pública de fácil utilização. Pode ser especialmente útil para consumidores que não podem acessar os serviços bancários tradicionais. Também não há risco de falência de um banco, já que os fundos são apoiados pelo governo.

Alguns países optaram por seguir o modelo de CBDC de varejo, incluindo os EUA. As Bahamas, que foram o primeiro país a lançar uma Central Bank Digital Currency (CBDC) amplamente disponível, também escolheram o modelo de varejo.

CBDCs para o atacado

CBDCs por atacado seriam usados ​​por instituições financeiras. Bancos e outras instituições financeiras podem usar a Central Bank Digital Currency (CBDC) de um banco central para transferir fundos e liquidar transações mais rapidamente. 

Embora esse tipo de CBDC melhore a eficiência dos pagamentos domésticos, também pode ser muito útil para pagamentos internacionais.

Outro benefício de uma CBDC por atacado é a segurança aprimorada. O livro digital que essas moedas usam para processar e registrar transações pode ajudar a evitar fraudes bancárias.

Alguns países estão focados em um CBDC por atacado, incluindo Cingapura, Malásia e Arábia Saudita. 

Vantagens e desvantagens das CBDCs

Aqui estão os maiores prós e contras das Central Bank Digital Currencies (CBDCs):

VANTAGENS DA CBDCsDESVANTAGENS DAS CBDCs
Pagamentos mais eficientes e seguros;
Permitem que os consumidores usem o banco central diretamente;
Elimina o risco de colapso de um banco comercial;
Fácil de rastrear.
Os bancos centrais têm controle total;
Menos privacidade para os usuários;
Baixa adesão;
Possível concorrência entre bancos centrais e comerciais.

E os países, o que têm a ganhar com a Central Bank Digital Currency (CBDC)?

Existem várias vantagens para os países que implementam seus próprios CBDCs, incluindo:

  • Uma CBDC proporciona transações muito mais rápidas, baratas e seguras, o que beneficia todos os envolvidos;
  • Nos países que criam CBDCs de varejo, os consumidores podem obter acesso direto aos fundos do banco central. Muitos países têm grandes populações não adeptas de bancos e as CBDCs podem ajudar a resolver esse problema;
  • Os consumidores não correm o risco de guardar seu dinheiro em um banco comercial que poderia entrar em colapso. Enquanto o banco central de seu país estiver estável, seus fundos estarão seguros;
  • Como todas as transações da CBDC são registradas em um livro digital, é muito mais fácil rastrear o dinheiro dessa maneira. Isso poderia ajudar as autoridades a detectar fraudes e outras atividades ilícitas;

CBDC x criptomoeda

CBDCs não são criptomoedas. Embora a ideia dos CBDCs tenha vindo das criptomoedas, tratam-se de dois tipos muito diferentes de moeda digital.

A principal diferença entre CBDCs e criptomoedas é a centralização. Uma criptomoeda é uma moeda digital descentralizada, o que significa que não há uma parte central que a controle. 

As transações são processadas e registradas em uma blockchain, que é um livro público distribuído. Como o nome indica, uma moeda digital do banco central é controlada por um banco central.

As criptomoedas também oferecem muito mais privacidade do que as CBDCs. As transações são enviadas e recebidas por meio de endereços de carteira, e é possível manter algum grau de anonimato. Certos tipos de criptomoeda são até considerados não rastreáveis. Com uma CBDC, o banco central terá um registro de usuários e suas respectivas transações.

Exemplos de Central Bank Digital Currency (CBDC)

A maioria das CBDCs está em fase de pesquisa ou desenvolvimento, mas há algumas que já  foram lançadas. Aqui estão alguns exemplos de  que estão disponíveis ou sendo testadas em diferentes países:

China

A China está testando um yuan digital, também conhecido como renminbi digital ou RMB digital. Entre os países com as maiores economias, a China foi quem mais avançou no desenvolvimento de sua CBDC.

Estados Unidos

Os EUA estão pesquisando os custos e benefícios do lançamento de uma CBDC, mas, das nações com os maiores bancos, é a mais atrasada, de acordo com o Atlantic Council.

Bahamas

As Bahamas lançaram o Sand Dollar, uma versão digital do dólar das Bahamas. É emitido pelo Banco Central das Bahamas através de instituições financeiras autorizadas.

Nigéria

A Nigéria está lançando o eNaira, que registra transações em um ledger blockchain centralizado. É a primeira nação africana a lançar uma CBDC.

Brasil

No Brasil, o Banco Central desenvolve a CBDC nacional para funcionar em um prazo de até três anos, começando sua fase de desenho em 2022. 

Concluindo

Ainda estamos nas fases iniciais das CBDCs, mas é claramente uma ideia que tem tudo para ser implementada no mundo todo nos próximos anos. Embora as CBDCs possam não substituir totalmente o dinheiro, provavelmente veremos a maioria dos países implementar suas próprias moedas digitais de alguma forma – ou falhar tentando.

Últimos posts

SatoshiCall

Quer ficar por dentro das principais notícias do mercado?

Deixe o seu e-mail* ao lado e receba o SatoshiCall, nossa newsletter diária com as principais notícias do mercado financeiro.