O que é Bitcoin – Entenda o Necessário para Usar  Bitcoin Bitcoin

O que é Bitcoin – Entenda o Necessário para Usar Bitcoin

Guto Schiavon
Neste artigo você saberá o que é bitcoin e porque a criptomoeda atrai cada vez mais adeptos!
O que é “bitcoin”? Para responder de maneira simples e direta, bitcoin (com b minúsculo) é o nome dado para uma criptomoeda gerada via internet por um processo chamado “mineração”. Já o “Bitcoin” (com B maiúsculo) se refere ao protocolo e o conceito por trás da unidade bitcoin.
Um novo bitcoin sempre é gerado como recompensa aos serviços prestados pelos usuários conhecidos como “mineradores”; uma analogia a mineração de ouro. O processo de mineração consiste na utilização de hardware para processar transações, garantir a segurança da rede bitcoin e manter todos participantes do sistema sincronizados.
Embora o bitcoin seja semelhante a uma moeda digital, seu valor é real assim como o dinheiro físico, e pode ser usado como uma forma de investimento ou de pagamento de produtos e serviços. Com o bitcoin já foram compradas roupas, sapatos, carros, casas e até apartamentos!

Bitcoin pode ser considerada uma moeda universal? Entenda!

Saiba que a bitcoin é aceita por milhares de lojas no mundo

Segundo uma pesquisa recente realizada pela empresa BitPay, o número de comerciantes que aceitam ‎bitcoins como forma de pagamento superou os 100 MIL estabelecimentos no mundo, além disso, o estudo mostra que o número total de transações feitas com bitcoin mais do que duplicou no ano passado.
Atualmente, mais e mais consumidores estão aderindo ao bitcoin. Mediante as grandes oportunidades que giram em torno do bitcoin, os comerciantes estão mudando de atitude em relação a moeda digital e com isso cada vez mais lojas passam a aceitar bitcoins. No Brasil, estima-se que mais de 100 lojas aceitam bitcoin como forma de pagamento.
Mas, quem pensa que essa tecnologia é exclusividade dos jovens se engana. A loja virtual Terceira Idade, com produtos específicos para idosos, é uma das lojas que aceitam bitcoin no Brasil. “A moeda é vantajosa tanto para os clientes, quanto para os lojistas. As transações são rápidas e sem taxas”, justifica o proprietário da loja, Edilson Osório.

Veja outras 5 grandes empresas que aceitam bitcoin:

  • Tecnisa
  • Dell
  • Overstock
  • Mercado Viagens
  • Microsoft
  • Neteller

Como vimos, cada vez mais as empresas se encantam com o as vantagens do bitcoin e seu potencial!

Conheça as vantagens do bitcoin

O Bitcoin (protocolo) tem diversas propriedades e formas de uso, mas vamos abordar uma bem especifica: bitcoin como moeda.
As vantagens do bitcoin como moeda são muitas, porém, vamos ressaltar apenas 5 delas:

  • liberdade de pagamento – Com bitcoin é possível enviar e receber qualquer quantia de dinheiro no menor tempo possível, não importa onde você esteja. Não existem fronteiras, feriados ou limites. O bitcoin te permite fazer transferências e até remessas internacionais com rapidez, segurança e sem burocracia, além disso, você sempre terá pleno controle de seu dinheiro.
  • menores taxas – Pagamentos realizados com bitcoin são processados com taxas extremamente mínimas, visto que as transações bitcoin são realizadas diretamente de pessoa para pessoa, não havendo necessidade de bancos ou intermediários. Em média, uma transação entre dois usuários de bitcoin tem taxa menor a 0.01%, mas caso seja necessário usar um intermediário para realizar a conversão, a taxa pode chegar a cerca de 1.5%, diferente das moedas convencionais, que podem variar de 3% a 30% em um pagamento ou remessa internacional.
  • segurança, privacidade e controle – Pessoas que utilizam o bitcoin possuem total controle de suas moedas e transações, com isso, não recebem cobranças indesejadas, não precisam pagar a custódia dos valores e não estão suscetíveis a má administração de um banco, por exemplo. Para fazer pagamentos em bitcoin não há a necessidade de vincular informações pessoais à transação.
  • transparência e neutralidade –  Todas as informações relacionadas a moeda bitcoin está livremente disponível na BlockChain para que qualquer pessoa que queira verificar e usar em tempo real, possa fazê-lo. Porém o protocolo Bitcoin não é controlado e nem manipulado por alguém, pois este é criptograficamente seguro. Este processo é tão seguro que grandes empresas já mostraram interesse na tecnologia blockchain.
  • não pode ser congelada – Governos não podem embargar bitcoins da mesma forma que podem embargar moedas convencionais. Já que sua riqueza não pode ser congelada, o bitcoin lhe dá a liberdade de fazer o que quiser com seu dinheiro.

Descubra as desvantagens do bitcoin

São 3 as grandes desvantagens do bitcoin, mas que com o tempo deixarão de existir:

  • seu valor é volátil – O valor do bitcoin não se mantém estável por muito tempo. O valor de um bitcoin pode imprevisivelmente valorizar ou desvalorizar em um pequeno intervalo de tempo devido à sua nova economia, nova natureza, e, por vezes, os mercados ilíquidos, mas isso tende a se resolver com a adoção de novos usuários e com o amadurecimento da criptomoeda.
  • não é regulada – Pelo fato de o bitcoin não ser uma moeda emitida por um governo, não possui nenhuma regulamentação, mas isso não quer dizer que bitcoin seja ilegal. Reguladores de várias jurisdições estão estudando medidas para proporcionar a inclusão desta nova tecnologia ao sistema financeiro.
  • pouca aceitação – Muitas pessoas ainda não conhecem o bitcoin. Como falado no início do artigo, cada dia mais empresas e comércios estão aceitando o bitcoin. Isto porque as vantagens do bitcoin superam em muito as desvantagens do bitcoin!

Saiba mais sobre a segurança do bitcoin

Você já deve ter ouvido algumas histórias sobre pessoas que decidiram investir em bitcoins e obtiveram grandes lucros. Mas será que é realmente seguro aplicar seus recursos nessa criptomoeda? Como funciona exatamente a segurança do bitcoin?
Essas perguntas possuem duas vertentes diferentes de respostas. Vamos falar sobre ambas, para que você possa entender de uma vez por todas sobre a segurança tanto da transação em si como também da escolha de alocar seus recursos nesse tipo de investimento.
O bitcoin como ativo financeiro é considerado um investimento que apresenta a volatilidade parecida com outras aplicações de renda variável. Existe uma regra básica do mercado financeiro que diz que quanto maior o risco, maior a possibilidade de lucratividade.

Por que o valor do Bitcoin varia tanto? Descubra!

A questão primordial para minimizar os riscos envolvidos com a oscilação do valor do bitcoin é desenvolver um bom planejamento financeiro para aplicar seu dinheiro. Especialistas são unânimes quando aconselham a nunca colocar todos os seus ovos na mesma cesta, ou seja, diversificação é a chave do sucesso.
Agora existe uma verdade sobre a rentabilidade dos bitcoins que é inegável: sua valorização vem crescendo em níveis exponenciais. Para você ter uma ideia, em 2009, ano de sua criação, essa criptomoeda tinha o valor de menos de um real. Nos dias de hoje, a cotação já subiu para mais de 48 mil reais, sendo que somente entre os anos de 2014 e 2017 a valorização representou cerca de 600%.
É a rentabilidade dos sonhos de qualquer investidor, não é mesmo? Mas quando a gente não entende muito bem sobre o assunto, acaba se perguntando se, apesar dos riscos inerentes de uma aplicação volátil, a segurança da criptomoeda em si é realmente confiável.
Essa é a segunda abordagem que iremos fazer sobre a segurança dos bitcoins.

Entenda como funciona o Blockchain

O bitcoin opera baseado em uma tecnologia chamada de Blockchain, que funciona como um registro eletrônico de todas as operações que envolvem essa criptomoeda de forma criptografada.
Todas as transações realizadas com bitcoins são armazenadas em blocos (em inglês, block). Para que esses blocos se encaixem é obrigatoriamente necessário utilizar um tipo de assinatura digital.
E não é só isso que garante a segurança cibernética do bitcoin. Para que as operações com essa criptomoeda sejam liquidadas, essa cadeia (em inglês, chain) de transferência financeira precisa passar pela validação dos outros players do mercado, por meio da confirmação da autenticidade da chave pública.
Portanto, como podemos concluir, a segurança tecnológica do bitcoin é indiscutível.

Analise se vale a pena investir em bitcoins

O melhor investimento para você é o que vai de acordo com o seu perfil de investidor. Por isso, para analisar se o bitcoin é uma boa opção para ser incluído em sua carteira de investimentos, procure analisar se você se encaixa no tipo de investidor que é arrojado.
Faça uma análise da sua personalidade, juntamente com seus objetivos financeiros e decida se você gosta de aplicar em ativos que podem apresentar alta rentabilidade devido a sua volatilidade.
Outra dica importante é contar com profissionais qualificados e empresas idôneas e confiáveis do mercado financeiro para orientá-lo da melhor forma possível.
Quer ler mais sobre bitcoins? Assine nossa newsletter!