O que é Chiliz (CHZ)?

O que é Chiliz (CHZ)?

O Chiliz (CHZ) é o maior token de utilidade dedicado a e-sports, games e entretenimento, com grande entrada em famosas equipes de futebol como Barcelona e PSG, fazendo o CHZ extremamente popular e chamativo para o público.

Quais as vantagens da Chiliz?

O CHZ pode ser visto como a grande evolução da carteirinha de sócio torcedor, uma oportunidade de democratizar e dar voz para os torcedores e apaixonados por esportes. 

Ele foi criado pelo site Socios.com, onde pode ser trocado por tokens de equipes de futebol e até mesmo do UFC. Quem compra esses tokens pode ganhar vantagens como áreas VIPs, prêmios diversos e até poder de votação em pesquisas do time.

Além disso, você pode negociar os tokens das equipes e ligas, ganhando na especulação. Existe até mesmo um “fanmarketcap” indicando o valor de mercado, volume de negócios e preço dos ativos. 

Quais foram os retornos e vale a pena investir em Chiliz?

Com a capacidade máxima de apenas 8,888,888,888 de CHZ em circulação, o token é usado para uma série de atividades no ecossistema Chiliz como votações, interações com a equipe, benefícios e experiências. 

Conforme o ecossistema cresce e mais torcedores adotam essa nova tecnologia a demanda por CHZ aumenta, colocando pressão no preço. Este é um dos motivos pelos quais a Chiliz cresceu 8.272,63% nos últimos 12 meses.

                                     Desempenho do Chiliz | Fonte: Coinmarketcap.com

O preço de cada token é definido pelo livre mercado e criado pelos compradores e vendedores na corretora. 

Quem está trabalhando com a Chiliz? 

Essa grande valorização não teria acontecido sem uma equipe extremamente capaz trabalhando para criar mais parcerias e engajamento.

O Socios.com conta com 65 profissionais de 25 nacionalidades. Alexandre Dreyfus é o atual CEO da CHZ e do Socios, contando com uma vasta experiência na área de comunicação. 

Equipe da Socios.com

Como guardar Chiliz?

Guardar CHZ é muito fácil, basta ter uma carteira que aceite o padrão ERC-20 do Ethereum, por exemplo:

  • MyEtherWallet 
  • Im Token
  • MEW

Você também pode deixá-lo na Foxbit ou mandar para o socios.com e trocar por vantagens. 

Tem alguma dúvida? Entre em contato conosco, estamos também nas principais redes sociais – Facebook, Instagram, Twitter e Youtube

O que é Chainlink (LINK)?

O que é Chainlink (LINK)?

O que é a Chainlink? Vale a pena investir? Quem está por trás do projeto? Vamos responder essas perguntas e tudo que você precisa saber sobre a Chainlink, também conhecida como LINK.

O que é Chainlink (LINK)?

A Chainlink (LINK) é uma rede criada para ser uma ponte entre os diversos blockchains e o mundo real. Como podemos enviar dados de preço do bitcoin para um aplicativo no blockchain de forma segura? A Chainlink resolve esse tipo de problema. 

Por exemplo, o resultado de uma partida de futebol pode ser transmitido para um contrato inteligente no blockchain de forma segura. Assim, os desenvolvedores conseguem criar aplicativos de apostas descentralizados – que são semelhantes aos apps do seu celular, mas no blockchain.

Legal não é mesmo? Mas como a LINK funciona? Vamos descomplicar isso para você.

Quais as vantagens da Chainlink?

A Chainlink agrega valor a outras aplicações, que vão de APIs, sistemas na nuvem, IoT (Internet das Coisas), sistemas de pagamento e muito mais. Ela faz isso usando os chamados “oráculos”, que nada mais são do que nós (computadores) que fornecem informações do mundo real para o blockchain. 

No diagrama abaixo vemos exatamente como funciona a Chainlink. Na direita e esquerda estão os dados do mundo real, ao lado os nós da Chainlink Network:

Esses oráculos colocam o próprio dinheiro em “stake”, ou seja, dão as suas moedas LINK como garantia de que vão oferecer a informação correta. Além disso, a Chainlink conta com um sistema de reputação para evitar fraudes e dar aos usuários maior segurança.

Atualmente, esta rede de oráculos garante a informação de preço segura para aplicações descentralizadas que em conjunto valem mais de US$4 bilhões. 

Quais foram os retornos e vale a pena investir em Chainlink?

Tudo isso funciona graças à valiosa LINK, um criptoativo que teve uma alta valorização. Nos últimos 12 meses a moeda LINK subiu 1000% (últimos dozes meses contados hoje, 14/04/2021) e em 2019 foi o criptoativo que mais valorizou. 

 Histórico de preço da Chainlink (LINK) em 12/02 – Fonte: Coingolive 

A Chainlink está sendo cada vez mais utilizada conforme o ambiente de aplicações descentralizadas no blockchain cresce. 

Quem investe e está trabalhando com a Link? 

E esta valorização tem motivo. A equipe da criptomoeda está trabalhando com diversas empresas e organizações relevantes como a Web3 Foundation (que define os parâmetros usados na internet) e até mesmo o Google.

As parcerias estratégicas são importantes, mas o que realmente mostra a capacidade do projeto crescer são as pessoas trabalhando nele. Esta cripto conta com experts e profissionais respeitados como Tom Gonser (fundador da Docu Sign), Evan Cheng (ex-Diretor de Engenharia do Facebook, atual R&D da Novi Financial) e Ari Jules (ex-colaborador da RSA).

Como guardar LINK?

Há diversas carteiras que suportam a LINK, dentre elas a MyEtherWallet, Metamaks, ImToken e Exodus.

Há também a opção segura de guardar em hardware wallets, como a Ledger Nano ou modelos similares que aceitem tokens ERC20.

Como comprar Ethereum na Foxbit?

Como comprar Ethereum na Foxbit?

Aprenda como comprar e vender Ethereum no Brasil usando reais (BRL) e saiba das informações mais importantes para você ter uma boa negociação do criptoativo. 

Para que serve o ether? 

O ether, ativo principal por trás da rede Ethereum, foi um dos ativos que mais se valorizou nos últimos anos e sua procura continua em alta. Com contratos inteligentes, aplicativos e finanças descentralizadas, o Ethereum conseguiu atrair uma enorme base de desenvolvedores e usuários. 

Todos eles precisam comprar ether (eth) para pagar pelo poder computacional usado neste blockchain. Devido a essa enorme demanda, o ether é o segundo maior criptoativo em valor de mercado, perdendo apenas para o bitcoin. 

Quando você ouve falar em negociações de Ethereum, é muito provável que a referência seja ao ether. 

Então, como negociar Ethereum (ether) de forma segura e barata? 

Como comprar ether de forma segura?

A compra de ether no Brasil está cada vez mais popular. Tudo isso graças a plataformas seguras de investimentos, as exchanges – que fazem a ponte entre compradores e vendedores. 

Para comprar ethereum de forma segura é importante ver o tempo em que a empresa está no mercado, se seus fundadores são figuras públicas e as notas nas redes sociais.

A Foxbit, por exemplo, já atua a mais de 6 anos no mercado nacional de criptoativos. Também contamos com o selo RA1000 do ReclameAqui, isso significa que nosso atendimento é um dos melhores do Brasil. 

Mas não adianta um bom atendimento e tradição de mercado se os valores da empresa não forem bons. Em 2020, a Foxbit foi eleita uma das empresas mais éticas no mercado financeiro.

Além de tudo isso, os contratos inteligentes da Foxbit são segurados pela BitGo – garantindo mais segurança para nossos usuários. 

Como comprar Ethereum (ether) na prática? 

Para negociar o  Ethereum (ether) basta ter uma conta na Foxbit, depositar o valor desejado e fazer a compra.

É muito fácil! Vamos te mostrar o passo a passo. 

Primeiramente, crie ou entre na sua conta da Foxbit.

Na plataforma, vá no menu do lado esquerdo e escolha a opção Depositar | Sacar

Então, clique em Depositar e escolha a opção Real (R$). 

Escolha seu método de pagamento (PIX, depósito express, depósito comum ou em espécie) e faça a transferência dos valores conforme é indicado na sua tela. 

Se o depósito for feito via PIX ele cairá rapidamente e restará apenas comprar o ether. Para isso, vá em Comprar | Vender no menu esquerdo e depois escolha a opção ETH.

Pronto! Agora basta selecionar os valores e apertar o “Comprar”. Fácil, rápido e seguro.

Você também pode usar o “Livro de Ofertas”, ele conta com vários recursos e gráficos que podem te ajudar na hora das negociações de criptoativos. 

Ficou com alguma dúvida? Veja nossa página “Perguntas Frequentes” ou fale com a gente.

Quais criptomoedas investir agora? – Foxbit convida Bo Williams

Quais criptomoedas investir agora? – Foxbit convida Bo Williams

Na última quarta-feira (05/02) um dos melhores traders do mercado, Bo Williams, fez uma live no canal da Foxbit no Youtube comentando sobre sua expectativa com as criptomoedas para a próxima semana, e quais criptos podemos abrir o olho em 2021.

“O bitcoin não deve falhar e deve conseguir se consolidar com um viés positivo nas próximas semanas.” comentou Bo Williams.

Diante os principais fatores que o mercado financeiro vem passando, isso refletiu diretamente no preço das criptomoedas, deixando Bo confiante.

Durante a live, Bo disse que por mais que o mercado esteja muito volátil, os gráficos mostram muita “beleza” e que é proibido vender no momento atual que o bitcoin se encontra.

Um dos seus principais comentários da sua live, foi a importância dada ao longo prazo, por mais que o bitcoin seja muito lucrativo hoje em dia, a tendência é que daqui 15/ 20 anos, hoje seja visto como o nascimento do bitcoin, assim como vemos o nascimento da internet na década de 90.

Confira o vídeo completo com a última análise de BO no canal da Foxbit:

Já comprou seu bitcoin hoje? Aproveite o aplicativo da Foxbit para comprar a criptomoeda em qualquer lugar – disponível para Android e IOS

João Canhada na CNN: “2017 foi o ano de consolidação do Ethereum”

João Canhada na CNN: “2017 foi o ano de consolidação do Ethereum”

Nosso CEO, João Canhada, deu uma entrevista para a CNN nesta quarta-feira (03/02), comentando sobre a valorização e a consolidação do Ethereum.

Canhada comentou quando o Ethereum teve uma visibilidade maior no mercado e porque isso veio acontecer de novo em 2020:

“Agora tivemos o boom da DeFi (finanças descentralizadas) e a indústria financeira está começando a replicar tudo o que existia no sistema tradicional de forma transparente, pública e digital. Nesse sentido, o ethereum tem tudo para continuar avançando.” 

Bancos Centrais espalhados pelo mundo, estudam criar criptomoedas próprias, que terão que contar com um referencial parecido, se o próprio ethereum não for o escolhido. João Canhada entende que isso pode fazer com que o ethereum e se descole do bitcoin e avance ainda mais.

Quer entender um pouco mais sobre o que o nosso CEO disse sobre a rede Ethereum e como ela pode afetar ainda mais o mercado? Confira a entrevista completa clicando aqui.